ServiçosTecnologia

Lambda3 busca mudar estigma de maiores salários para homens e tem como prática salarial a igualdade entre gêneros

Senado aprova proposta que pretende multar empresas que descumprirem medida de igualdade salarial, mas empresas como a Lambda3 já saíram na frente e praticam a igualdade salarial entre gêneros

Já tramita na Câmara, proposta aprovada no Senado, em que a empresa que descumprir regra de igualdade salarial, será multada em valor correspondente ao dobro da diferença salarial, calculada sobre cada mês em que ocorreu o pagamento desigual. O valor da multa, segundo o projeto, será repassado à vítima da discriminação.

O texto também prevê multa para o empregador que, além do sexo, considerar a idade, a cor ou situação familiar como variável determinante para fins de remuneração, formação profissional e oportunidades de ascensão profissional.

O site de recrutamento Catho divulgou uma pesquisa sobre as condições de trabalho de mulheres na área de tecnologia. De acordo com o levantamento, realizado com mais de 1.000 profissionais do setor, entre janeiro e fevereiro de 2018 (632 homens e 396 mulheres), mais da metade das mulheres de tecnologia (51%) disseram já ter sofrido discriminação em seu ambiente de trabalho por causa de gênero.

Dados da ONU Mulheres Brasil, revelam que as mulheres estão fora dos principais postos de trabalho gerados pela revolução digital, sendo que somente 18% delas têm graduação em Ciências da Computação e são, atualmente, apenas 25% da força de trabalho da indústria digital.

A legislação brasileira garante a igualdade salarial entre homens e mulheres na CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) desde 1943. No texto, a determinação de que salários devem ser iguais “sem distinção de sexo” aparece em pelo menos quatro artigos: no 5º, no 46, no 373-A e no 461. O tema também é abordado no artigo 7º da Constituição de 1988, que proíbe a “diferença de salários, de exercício de funções e de critério de admissão por motivo de sexo, idade, cor ou estado civil”.

O Brasil ocupa o 132º lugar no ranking do Fórum Econômico Mundial, de uma lista de 149 nações, sobre equidade salarial para trabalho similar, formulado em 2018. Um ano antes, ocupava a 119º posição.

Empresas como a Lambda3 de tecnologia e inovação, entrega soluções customizadas de ponta a ponta em desenvolvimento de software, focando em acelerar resultados, tem a preocupação de incluir mulheres no segmento de tecnologia, que um dia já foi majoritariamente masculino. A empresa, vem trabalhando medidas de diminuir essa disparidade entre gêneros dentro do seu quadro de funcionários.

“Na Lambda3, nos preocupamos continuamente em diminuir essa diferenciação nos cargos. Trabalhamos com o sistema de autogestão, e dentre as nossas ações buscamos focar em atividades que tragam reflexão sobre estereótipos de gênero, diminuindo assim preconceitos voltados a mulher ou qualquer gênero, apoiamos que todos tenham a mesma remuneração em cargos correlatos, incentivamos todas as pessoas terem seu lugar de fala e queremos mais mulheres em cargos de tecnologia, além de ter um grupo de mulheres, apresentação de todos os números relacionados à empresa para as pessoas internas e troca constante de informações para ter dar embasamento critico a todas as questões aqui relacionadas”, explica Patricia Kost, do time de Pessoas da Lambda3.

Além da igualdade salarial entre gêneros já praticada na Lambda3, a empresa também utiliza em diversos ambientes, do seu escritório localizado em São Paulo, o nome de mulheres como Ada Lovelace, que escreveu o primeiro algoritmo do mundo, entre tantas outras que contribuíram com o avanço da tecnologia e demais áreas de exatas, como forma de enaltecer a importância da mulher no segmento em que atua, além de ajudar às colaboradoras da empresa a se sentirem representadas. Medidas como essa surgem para incentivar na mudança do panorama atual e dar condições igualitárias para homens e mulheres, principalmente no segmento da tecnologia.

Sobre a Lambda3

A Lambda3 é uma empresa de tecnologia e inovação, que entrega soluções customizadas de ponta a ponta em desenvolvimento de software da ideia a tomada de decisão inteligente, focando em acelerar resultados. A especialidade abrange todo o ciclo de desenvolvimento e engenharia de software, cobrindo aspectos como gestão, análise e arquitetura, utilizando práticas reconhecidas pelo mercado e garantindo mais qualidade e flexibilidade em todos os serviços. Com experiência comprovada no mercado, os profissionais são reconhecidos no Brasil e no exterior, por sua excelência técnica, além de atuarem ativamente na comunidade como palestrantes nos principais eventos de tecnologia do país com o objetivo de impactar positivamente o mercado de tecnologia, viabilizando seu potencial transformador.

www.lambda3.com.br

Informações para a imprensa:

  1. CLAIR COMUNICAÇÃO

(11) 3624-5170/ 97675-8831/ 95456-6175

Fabíola Pedroso

fabiola@mclair.com.br

Kelly Pinheiro

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo