Educação

Faculdade privada de Minas têm destaque nacional na avaliação do MEC

UniBH se destacara com alto índice de qualidade de ensino superior no Brasil

O MEC divulgou o Índice Geral de Cursos (IGC), o mais importante indicador de qualidade para a educação superior no Brasil. Esta pontuação mede a qualidade acadêmica, a infraestrutura e o desenvolvimento dos estudantes, em uma escala de 1 a 5. O UniBH, integrante do Grupo Ânima Educação, obteve destaque entre os mineiros possuindo cursos que estão entre os melhores do Brasil.

Além de ser nota 4 no IGC, a Instituição se destaca, principalmente, por ter seus cursos classificados entre os melhores do Brasil e de Minas. Entre eles, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica, História, Letras e Gestão de Tecnologia da Informação que atingiram o mérito de segundo lugar entre todas as escolas de ensino superior brasileiras. Entre os melhores cursos de Minas, estão Ciência da Computação; Ciências Biológicas; Engenharia Elétrica em primeiro lugar no ranking e Arquitetura e Urbanismo e Engenharia Civil em segundo lugar no estado mineiro.

Para o reitor do UniBH, Rafael Ciccarini, “estar entre as maiores instituições do Brasil mostra que estamos vanguarda da educação, transformando a forma com que o ensino é colocado pelos alunos e mostrando que cada jovem pode se descobrir e ser dono do seu destino dentro da universidade”, acrescenta.

Resultados apontam ainda que instituições da Ânima Educação estão entre as melhores do setor

A Ânima Educação, um dos principais grupos particulares de ensino superior do Brasil, manteve-se com 100% dos cursos com avaliações positivas (maiores ou iguais a 3) no IGC (Índice Geral de Cursos) do Inep/MEC.
As instituições de ensino superior da Ânima apresentaram 71% de notas 4 ou 5 (em um índice que vai de 1 a 5), o que significa uma melhora de 12% em relação aos 59% de notas 4 ou 5 registrados no ano anterior. O resultado é superior ao de todas as companhias listadas do setor educacional, e também fica acima do obtido pela média das instituições públicas, que obtiveram 55% de conceitos 4 e 5. Já no CPC (Conceito Preliminar de Curso), a Ânima também se manteve com 100% dos cursos com avaliações maiores ou iguais a 3, sendo 75% com notas 4 ou 5, 24% acima dos 51% registrados no ciclo anterior (2014).

O IGC é o indicador de qualidade que avalia as Instituições de Educação Superior. Seu cálculo é realizado anualmente, com notas variando de 1 a 5, construído com base numa média ponderada das notas dos cursos de graduação e pós-graduação.

Rede Comunicação de Resultado
Empresa Rede Comunicação Empresarial LTDA
Contato Paula Meireles
E-mail paula@redecomunicacao.com Fone (31) 25555050

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo