Educação

Escola ensina alunos a consertar celulares em até 30 minutos

Dados da Anatel indicam que o Brasil terminou setembro de 2018 com 234,3 milhões de celulares e densidade de 111,84 cel/100 hab. No pós-pago as adições líquidas foram de 892 mil celulares. (Fonte: Teleco.com.br)

Dados da Anatel indicam que o Brasil terminou setembro de 2018 com 234,3 milhões de celulares e densidade de 111,84 cel/100 hab. No pós-pago as adições líquidas foram de 892 mil celulares. (Fonte: Teleco.com.br).
Confiança e rapidez é o que todo cliente exige em qualquer que seja o serviço. Se tratando do celular então, é mais exigido ainda, afinal, os smartphones fazem parte praticamente de tudo que acontece no nosso dia a dia.

Serviços mais procurados
Os serviços de reparos mais bem cotados são a troca de telas danificadas e de baterias muito gastas.

A boa notícia para esse público que busca solução para seus aparelhos defeituosos é que a maior parte deles têm conserto, mesmo que tenham caído dentro da água, que estejam com algumas peças quebradas ou componentes queimados, com defeitos na câmera, enfim, tudo é passível de substituição ou reparo. Apenas um percentual de 3% a 5% não pode ser consertado.

Basta comparar o preço médio dos consertos com o valor médio de um aparelho novo para entender que o conserto vale a pena.

Oportunidade para todos
Aos 60 anos e aposentado, Claudio Konno decidiu, na contramão de muitos de sua faixa etária, mergulhar no universo mobile com um curso de manutenção de celulares.

Há um ano e meio sem ocupação, Konno percebeu a alta demanda por assistência técnica na loja de acessórios para smartphones do filho, localizada em Guarulhos-SP, razão pela qual aderiu ao curso básico para se qualificar, visando incluir o serviço no portfólio do negócio. “Sempre apareciam clientes perguntando se também realizávamos consertos. Oferecendo mais essa opção, poderíamos faturar muito mais”, conta.

Conserto em 30 minutos
Com a profissão em alta e uma demanda forte, uma escola desenvolveu um método inovador para formar novos profissionais com foco em rapidez e confiança.
A escola referência em curso de manutenção de celulares, Premium Phone, criou um curso exclusivo que se chama Alta Performance. Neste curso com duração de 9 dias, com carga horaria de 72 horas e o aluno irá vivenciar vários consertos realizados, além de se tornar um especialista em solda e em iPhone.
“Como o curso é totalmente prático, ele capacita o aluno a ganhar mais experiência no dia a dia e a realizar consertos em até 30 minutos, já que em boa parte do curso, os alunos tem seus tempos medidos por um cronômetro. Temos alunos que já chegaram a marca de 17 minutos em aparelhos iPhone”, comentou Marcelo Guedes, um dos diretores da Premium Phone.
“Realizar um diagnóstico mais preciso e rápido, melhorar a performance em vários tipos de solda e aumentar a produtividade na realização de consertos de iPhones, tudo isso com o professor acompanhando passo a passo e na prática”, finalizou Andrews Oliveira, diretor da Premium Phone
Curso básico é o primeiro passo para abrir uma assistência técnica
O curso básico sai por R$ 1.980 à vista e capacita o aluno a abrir a própria assistência técnica de celulares. Após passar pelo curso básico, o aluno ainda conta com um suporte pós-curso, aonde ele poderá utilizar todo o maquinário da escola para realizar consertos de seus clientes enquanto levanta um capital.
A escola disponibiliza uma área dedicada ao suporte dos alunos com até 3 professores disponíveis simultâneos para auxiliar os ex-alunos nas dificuldades dos primeiros dias pós-curso.
A Premium já formou 1.800 técnicos desde que começou a operar, em 2017, e a expectativa é dobrar esse número até o final de 2018. Atenta às necessidades dos consumidores e no desenvolvimento das habilidades dos profissionais, também estão desenvolvendo os cursos de alta performance em iPhone e o avançado de reparo em placa.
SOBRE A PREMIUM PHONE
Escola que oferece cursos de manutenção de smartphones. Entre os principais diferenciais estão a aplicação do treinamento de alta performance e o suporte pós-curso. Foi fundada em 2017 por Jefferson Martins, Andrews de Oliveira e Marcelo Guedes. Para mais informações, acesse: www.premiumphone.com.br.

Website: http://www.premiumphone.com.br

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo