Cultura

Músicos de Brasília lançam o videoclipe “Eu tenho fé”

Thiago Lunar, Sandro Alves e Daniel Rodrigues acabam de lançar o projeto “Nosso Encontro” e a música “Eu tenho fé” – proposta intimista que, segundo os músicos, nasceu de uma conexão entre os três e da necessidade de traduzir a arte e a produção deles em uma mensagem positiva para o público brasileiro. A composição abre uma série de videoclipes do projeto cultural - que será realizada ao longo de 2019

Uma canção para transmitir uma mensagem positiva e buscar criar uma conexão entre as pessoas que a ouvem. Esse é o propósito dos músicos de Brasília (DF) Thiago Lunar (cantor e compositor), Sandro Alves (percussionista) e Daniel Rodrigues (tecladista e trombonista) que formam o projeto “Nosso Encontro”. A música foi lançada nesta quinta-feira (20) pelas redes sociais e fará parte de um EP a ser produzido em 2019, com apresentação ao público durante show em data e local a definir.

O videoclipe foi gravado em outubro deste ano na Eco Casa Solar, em Brasília, durante show intimista para cerca de 30 pessoas. A apresentação contou com captação de áudio da WL Audio Pro, por Wesley Laércio; filmagem de Andréia Fonseca, Dimmy Falcão e Guilherme Machado; edição de Andréia Fonseca; mixagem e masterização da Estúdio Áudio Coletivo, coordenado por Daniel Rodrigues e cénario de Gabriela Sue. O objetivo é levar ao público uma série de vídeos com o mesmo estilo musical.

“Este é o primeiro vídeo que fizemos dentro do projeto Nosso Encontro e nasceu de um momento de muita união e música, para nos lembrar que a vida pode ser muito mais leve e melhor”, explica o compositor da canção, Thiago Lunar.

Para Lunar, a música tem o poder de unir as pessoas em diferentes localidades e transmitir uma energia transformadora, capaz de ressignificar sentimentos, gerar novos comportamentos e exercitar valores de vida. “A nossa intenção é que a mensagem – eu tenho fé e a crença de que tudo vai melhorar (parte da letra) inspire muitas pessoas a exercitarem sua fé dando sempre o melhor de si”, afirma.

A música nasceu num cenário conturbado da política brasileira – às vésperas das eleições de 2018 para presidente – que geraram muita polêmica, separatismo entre os eleitores (principalmente pelas redes sociais) e manifestações nas ruas. “Essa canção não poderia ter nascido em momento mais oportuno. Nós brasileiros – como um todo, estamos vivendo nos últimos anos e principalmente neste ano, uma situação delicada na política e, consequentemente dentro das famílias, devido à incerteza que foi plantada com base na insegurança que nossos governantes passam a cada um de nós”, explica o percussionista Sandro Alves.

O projeto “Nosso Encontro” visa destacar que a arte sempre vem com esse papel de ressignificar e mostrar nossos horizontes. “A ideia é trazer novas cores para pintar a vida e sinto isso a cada vez que escuto a música “Eu tenho fé”. Me enche de orgulho fazer parte deste projeto que nasceu do amor pela vida. Colocamos neste trabalho tudo de melhor que trazemos de experiências profissionais e pessoais até aqui”, avalia Alves.
Lunar ressalta que “a intenção do projeto é fazer com que os fãs dos músicos sejam alcançados pela energia transformadora do amor, da arte e da própria fé”, conclui. O videoclipe pode ser acessado pelo endereço do YouTube – https://www.youtube.com/watch?v=SNoUhdwvDZM

Sobre os músicos
Thiago Lunar
A paixão de Lunar pela música começou cedo, ainda menino. A herança musical vem do DNA do seu pai, também músico em Minas Gerais. Com ele, aprendeu os primeiros acordes e depois passou a estudar instrumentos. Hoje, o cantor e compositor registra suas experiências sonoras no violão, cavaquinho, teclado, entre outros instrumentos.

A versatilidade para lidar com os múltiplos timbres e sons vem da sua necessidade de experimentar e se envolver cada vez mais com o vasto universo que a musicalidade proporciona, mas garante: sua verdade vem à tona de forma mais inteira quando assume o que realmente pulsa na alma – sua porção compositor e cantor. É para este caminho que ele mira seus próximos passos.

Lunar foi fundador e líder do conjunto Forró Lunar, que atuou ativamente no cenário brasiliense entre 2004 e 2011. Após o encerramento do grupo, seguiu carreira solo, lançando o disco “Outras Fases” em 2016.

Sandro Alves
Carioca, vindo de uma família de músicos, iniciou sua carreira musical aos 10 anos de idade. Mais tarde, acompanhou cantores e bandas de diversas vertentes musicais. Com sua versatilidade foi ganhando espaço no cenário musical carioca e passou a dividir o palco com alguns artistas nacionais como Dominguinhos, Geraldo Azevedo e Xangai. Hoje vive em Brasília e já trabalhou com grandes nomes do cenário musical brasiliense como Alysson Takaki, Joy Band, Indiana Nomma, Tereza Lopes, Thiago Lunar, Sonora Tropicante. Atualmente, atua com o consagrado grupo de música instrumental Trio Baru.

Daniel Rodrigues
É diretor do projeto Mente Do Artero, compositor, arranjador, multi-instrumentista, produtor musical e engenheiro de som no estúdio de gravação Audio Coletivo. Já participou de gravações e shows com bandas e artistas como Igor Prado Band, Lyra Latina, Vitrola 70, Tibless Afrobeat, Paula Lima, Sandra de Sá, Nereu Trio Mocotó, Os Opalas, Skafandros Orkestra, Magno Bissoli Quinteto, SP Jazz Big Band, Swing Samba Combo, entre outros.

Informações para a Imprensa:
Verbo Nostro Comunicação Planejada – (16) 3632-6202 / 3610-8659
Jornalistas responsáveis: Luciana Grili (16) 99152 2707, Valter Jossi Wagner (16) 99152 2700 e Andréa Berzotti (16) 99138 6185
Colaboração: Juliana Castro e Gabriel Todaro

Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo